NewsLetter:
 
Pesquisa:

Jesús Franco, o rei do terror espanhol
Por Thiago Colas
16/03/2011

Existem inúmeros grandes diretores do cinema extremo que são completamente desconhecidos do grande público. Um dos melhores exemplos é o do espanhol Jesús Franco Manera. Nascido em 1930, Franco continua trabalhando firme, com mais de 190 filmes no currículo, entre eles, algumas obras primas do cinema de terror.

Para evitar possíveis complicações políticas causadas pelo seu nome verdadeiro, já que a maioria esmagadora de sua obra foi feita durante a ditadura do general Franco na Espanha, o diretor assinava suas obras usando, como pseudônimo, os nomes de grandes artistas de Jazz, gênero musical pelo qual ele era apaixonado. Eventualmente, desenvolveu um pseudônimo fixo e passou a assinar como Jess Franco.

Seu primeiro filme de terror foi Gritos na Noite, uma obra pouco criativa, praticamente uma refilmagem do clássico francês Olhos sem Rosto de Georges Franju. Mas com o tempo, a qualidade de seus roteiros e dos filmes em geral foi aumentando. E com isso, suas obras foram se tornando cada vez mais extremas. Entre elas, a mais fiel versão de Drácula já feita no cinema (estrelando Christopher Lee, mas que NÃO foi filmada pelos estúdios Hammer), Vampíras Lésbicas, que eu mencionei no meu texto anterior, e o incrivelmente bizarro Macumba Sexual.

Muitos dos filmes do diretor foram filmados na Alemanha ou França, para onde se mudou em 1970, durante os piores anos da ditadura espanhola, mas sempre tendo como público alvo principalmente os espanhóis, como bom patriota que é. Em seu auge, ele chegou a fazer 3 ou 4 filmes em um único ano, mas desde a década de 90 o patrocínio para suas obras tem se reduzido drasticamente, e ele tem cada vez mais dificuldades em continuar criando as obras fantásticas que o tornaram famoso (não, não é só no Brasil que falta patrocínio para a arte).

Alem de cineasta e roteirista, Jesús Franco Manera também é músico formado pelo Conservatório de Madrid, advogado e escritor de novelas, sob o pseudônimo de David Khume. E é casado com sua principal atriz, colaboradora e musa inspiradora, Lina Romay.

Quem Somos | Publicidade | Fale Conosco
Copyright © 2005-2017 - Bigorna.net - Todos os direitos reservados
CMS por Projetos Web